Mostrar mensagens com a etiqueta Nuno Crato. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Nuno Crato. Mostrar todas as mensagens

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

0 Crato rejeita acusações da FENPROF sobre mobilidade

Ministro da Educação garante que tema não está a ser discutido entre a tutela e ministérios das Finanças e Administração Pública

O ministro da Educação, Nuno Crato, rejeitou esta quarta-feira as acusações da FENPROF que o acusou de ter mentido sobre a mobilidade especial dos professores, tema que assegura não estar em discussão.
"Não está em cima da mesa, no Ministério da Educação e no Ministério das Finanças e da Administração Pública, nenhuma discussão sobre a mobilidade especial dos professores", afirmou Nuno Crato, refutando as declarações da Federação Nacional dos Professores (FENPROF), que na ontem acusou o ministro de ter mentido sobre esta questão, quando depois foi questionado na Assembleia da República.
A federação acusou o ministro de, a 19 de Julho, ter declarado aos jornalistas presentes no parlamento que a mobilidade especial não se aplicaria aos professores, nomeadamente aos que ficaram com horário zero, e de não ter mantido a mesma posição.
De acordo com a FENPROF, nas Grandes Opções do Plano (GOP) para 2013, vem espelhada a mobilidade especial aplicada aos professores "para lhes reduzir o salário para níveis insuportáveis e, posteriormente, empurrá-los para fora da profissão".
Além de assegurar manter "tudo o que disse no parlamento", o ministro acusou os sindicatos de estarem a fazer "uma leitura apressada das opções do plano" e incitou-os a "conhecer a realidade antes de fazer acusações dessas".
Nuno Crato incitou ainda a Fenprof a ler as declarações do secretário de Estado da Administração Pública, Hélder Rosalino, "que desmentem todas as acusações".
O ministro falava em Rio Maior, onde hoje de manhã visitou o Centro Escolar Poeta Ruy Belo, em São João da Ribeira. O Centro, inaugurado a semana passada, serve cerca de 200 alunos do pré-escolar e 1º. Ciclo do ensino básico.
Nuno Crato manifestou satisfação pelo "sucesso" do arranque do ano escolar. Segundo dados do Ministério, à data de hoje, apenas cinco escolas do país ainda não abriram portas.
 

NOTÍCIA TUGA Copyright © 2011 - |- Template created by Notícia Tuga - |- Powered by Notícia Tuga